LAGARTO NO AÇÚCAR
24/10/2020 11:48 em Poema

 

Como um lagarto no açúcar

Chegaste no meu corpo

A beleza presenteia a pobreza

 

Como um lagarto no açúcar 

Chegaste ao meu hálito

 Suave sem 

 Gentileza

 

Como um lagarto no açúcar

Segue teu passeio

Minunciosamente a me marcar

 

Deixando –me na fissura desse excesso de doçura 

Que irá me matar.

 

 

 

Everton Luiz Cidade

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!